Trelfos

"Humanóides grandes e brutos surgiram na frente do nosso bando, podíamos sentir a aura intimidante que eles emanavam, apesar disso eram de certa forma belos. Seus cabelos longos e amarrados em tranças, adereços metálicos e até ossos. Dois pareces de chifres em suas testas e caninos pontudos denunciavam sua origem animalesca. Suas armaduras feitas de armaduras saqueadas de outras raças demonstravam sua experiência em combate, assim como suas armas robustas e forjadas com metal, ossos e sangue dos derrotados."

Trelfos foram assim chamados devido a sua origem feérica e primal. Normalmente não atacam sem motivo, mas sempre estão em busca de batalha, seja como mercenários ou desafiando invasores em troca da passagem por suas terras. São praticantes de uma religião arcaica, cujo se utiliza de sacrifícios e cadáveres para seus encantamentos, assim como para forjar suas armas ritualísticas. Eles emanam uma aura ameaçadora capaz de afugentar a maioria dos mortais mais fracos.

Moram nas poucas regiões montanhosas cobertas por florestas antigas, e vivem em grupos de caças, entre três e dez indivíduos adultos, variando entre machos e fêmeas. A guerra entre esses clãs é constante por parceiros e territórios. Quando próximo de cidades Trelfos podem se tornar mercenários, trabalhando em troca de alimento devido ao esgotamento de recursos naturais que a civilização causa onde se instala.